Declaração de IR: a partir deste ano, o médico terá que incluir o CPF de cada cliente que o pagou